SAÚDE NA LINHA

região

MINAS GERAIS E
RIO DE JANEIRO

O projeto nasceu na cidade do Rio de Janeiro e chegou a Paraty (RJ) e Muriaé (MG) com o apoio do VRB

setor

SAÚDE

O Saúde na Linha é uma ferramenta de acompanhamento de bebês e grávidas em gestações de risco

O Saúde na Linha une tecnologia, cuidado e inovação para ajudar a salvar vidas

Criado em 2015, o Saúde na Linha ajuda a identificar gestações de risco e orienta mulheres grávidas, pais e cuidadores de crianças entre zero e dezoito meses de vida. O projeto acontece em parceria com prefeituras integrado à rede de atenção primária de saúde.

Os pacientes são acompanhados constantemente através de ligações telefônicas, e profissionais de saúde são alertados em caso de complicação. Com o apoio do VRB, o programa foi introduzido em Paraty em 2017 e está em fase de implementação em Muriaé.

Contexto


Em meados de 2015 a Zona Norte do Rio sofria com um alto número de óbitos de gestantes. O Saúde na Linha foi criado como um projeto piloto para enfrentar esse problema e rapidamente alcançou índices animadores de redução de mortalidade.

Inovação


O Saúde na Linha permite acompanhamento contínuo e personalizado através de ligações periódicas para o celular das pacientes. O pronto atendimento à distância, por telefone, pode ser crucial para evitar complicações em casos de urgência.

Método


O projeto dispõe de equipe multidisciplinar e questionários próprios para identificar casos de risco que demandem atenção. Na Rocinha, o Saúde na Linha foca em casos de mulheres grávidas com sífilis para eviotar que a doença passe para o bebê.

Impacto


O Saúde na Linha contribuiu para a redução da mortalidade materna na Zona Norte do Rio, oferece assistência a 90 bebês com sífilis em 12 unidades de saúde pública e atendeu cerca de 500 gestantes no primeiro ano de atuação em Paraty.

Parceiros